Logo ANPOF.png
apresentam
Logo Rede.png
Logo Prêmio 2022.jpg

Edital em pdf

apoio
Kotter.png
TESE DE DESTAQUE 
ACADÊMICO 2022

 

SUSIE KOVALCZYK DOS SANTOS

Uma leitura epistêmica da teoria da identidade pessoal de John Locke e sua relação com a memória no capítulo 27 do livro 2 do Ensaio sobre o Entendimento Humano

PPGFilosofia - UFSM

Tese orientada por César Schirmer dos Santos

DISSERTAÇÃO DE DESTAQUE ACADÊMICO 2022

 

JOSIANA BARBOSA ANDRADE

Um retorno a Simone de Beauvoir: Estudo do drama da coexistência à luz da gênese e estrutura da filosofia beauvoiriana

PPGF - UFPEL

Dissertação orientada por Luís Eduardo Xavier Rubira

MENÇÃO HONROSA EM DOUTORADO 2022

 

NÁDIA JUNQUEIRA RIBEIRO

A distinção entre o social e o político em Hannah Arendt à luz da questão judaica

PPGF-UNICAMP

Tese orientada por Yara Adário Frateschi

MENÇÃO HONROSA EM DOUTORADO 2022

 

CRISTIANE SZYNWELSKI

Dialética e verdade em Aristóteles

PPGF - UNB

Tese orientada por Guy Hamelin

MENÇÃO HONROSA EM MESTRADO 2022

 

VIVIANE VELOSO PEREIRA RODEGHERI

Os matizes ontológicos do conceito de infinito (apeiron) em Melisso de Samos

PPGF - UFRRJ

Dissertação orientada por Admar Almeida da Costa

MENÇÃO HONROSA EM MESTRADO 2022

 

CLEÓPATRA STEFFANE MELISINAS CITRON

Entre mistérios e filosofia: os sentidos da presença dos rituais coribânticos nos diálogos de Platão

PPGF - UFPR

Dissertação orientada por Bernardo Guadalupe dos Santos Lins Brandão

COMISSÃO AVALIADORA

 

Este prêmio não seria possível se estas(es) renomadas(os) profissionais não tivessem dedicado o seu tempo e atenção à leitura atenta dos trabalhos candidatos. Nossa gratidão a cada um(a) de vocês.

 

Anderson de Paula Borges,UFG

André Leclerc, UNB

André Pontes,UFAM (PPGF UVA-CE)

Antonio Carlos dos Santos,UFSE

Breno Guimarães, UFMT

Bruno Loureiro Conte, PUCSP

Carla Francalanci, UFRJ

Cínthia Vieira, UFOP

Clara Castro, PUC-Rio

Edgar de Brito Lyra Netto ,PUCRJ

Eduardo Brandão,USP

Eduardo Vicentini,UFSM

Érico Andrade Marques De Oliveira, UFPE

Ernani Pinheiro Chaves, UFPA

Flávio Fontenelle, UFLA

Giovanni Rolla, UFBA

Gustavo Silvano, UFPI

Ivan Ferreira da Cunha, UFSC

Jovelina Maria Ramos de Souza, UFPA

Juliele Maria Sievers,UFAL

Leandro Neves Cardim, UFPR

Luis Paulo Cichoscki, UFMT

Luiz Camillo Osório, PUC-Rio

Luiz Felipe Sahd, UFC

Marcos Balieiro ,UFSE

Marcos José Müller, UFSC

Marcos Silva, UFPE

Maria Cecília Almeida, UNB-PPGFIL

Maria Cristina Theobaldo,UFMT

Maria dos Remédios de Brito,UFPA

Nara Figueiredo, UFSM

Osvaldo Pessoa,USP

Pedro Sussekind, UFF

Priscilla Tesch Spinelli, UFRGS

Ricardo Nascimento Fabbrini, USP

Richard Romeiro,UFPE

Rita de Cássia Oliveira, UFMA

Roberto Bolzani, USP

Sara Silveira, UFMT

Sergio Xavier Gomes de Araujo, UNIFESP

Silvio Ricardo Gomes Carneiro, UFABC

Taisa Helena Pascale Palhares, UNICAMP

Taynam Bueno ,UFAL

Vladimir Vieira, UFF

Wanderson Flor do Nascimento, UNB

HOMENAGEM

 

O Prêmio Filósofas, edição de 2022, homenageia as mulheres que, durante esses anos da pandemia da Covid-19, sofreram com a sobrecarga do trabalho do cuidado. Muitas mulheres foram afastadas da filosofia por conta dessa sobrecarga. A todas, nossa homenagem.

AS INDICADAS

 

A Associação Nacional de Pós-Graduação em Filosofia (ANPOF) e a Rede Brasileira de Mulheres Filósofas têm a honra de anunciar as dissertações e teses indicadas para o Prêmio Filósofas de Destaque Acadêmico: Mestrado e Doutorado 2022.

 

Esses trabalhos foram selecionados pelos diversos Programas de Pós-Graduação em Filosofia do Brasil através de comissões avaliadoras locais e representam o que de melhor mestrandas e doutorandas em filosofia brasileiras produziram entre 2020 e 2022. Porque as indicações atestam sua qualidade acadêmica, e para enaltecer sua contribuição à filosofia feita no Brasil, as autoras merecem reconhecimento público.

 

 

MESTRADO

(em ordem alfabética)

 

 

1. ANDRÉA FÁTIMA DOS SANTOS

Lavra e Linguagem em Lavoura Arcaica

USP

Dissertação orientada por Victor Knoll

 

2. ANNA CAROLINA VELOZO NADER TEMPORÃO

Epistemologia das virtudes: a virada ética da Filosofia Contemporânea.

PUC-RIO

Dissertação orientada por Danilo Marcondes

 

3. ANDYARA LETÍCIA DE SALES CORREIA

Uma análise da concepção tridimensional de justiça de Nancy Fraser: redistribuição, reconhecimento e representação

UFPI

Dissertação orientada por Francisco Jozivan Guedes de Lima

 

4. BÁRBARA NATÁLIA HONORATO DE SOUSA

Cartografia filosófica da branquitude brasileira: Apontamentos e atravessamentos, resistências a ela e possíveis saídas a essa estrutura de privilégios por meio da educação

UNB-MET

Dissertação orientada por Pedro Gontijo

 

5. BÁRBARA THAÍS ABREU DOS SANTOS

Amor como condição de liberdade de si e do outro: repensando reconhecimento, dominação e alteridade a partir de uma leitura de Jéssica Benjamin

UNICAMP

Dissertação orientada por Marcos Severino Nobre e coorientada por Inara Luísa Marin

 

6. BEATRIZ ZAMPIERI ESPÍNDOLA

Viver depois da perda – Um estudo sobre a oscilação da violência e a filosofia da história em Para a crítica da violência, de Walter Benjamin

UFRJ-PPGF

Dissertação orientada por Carla Rodrigues

 

7. CAMILA DUTRA PEREIRA

A libertação animal na ética de Peter Singer à luz das críticas da teoria de direitos de Tom Regan

UEL

Dissertação orientada por Carles Feldhaus

 

8. CLEÓPATRA STEFFANE MELISINAS CITRON

Entre mistérios e filosofia: os sentidos da presença dos rituais coribânticos nos diálogos de Platão

UFPR

Dissertação orientada por Bernardo Guadalupe dos Santos Lins Brandão

 

9. DAIANE LEMES PEREIRA

O Conceito de Jogos de Linguagem nas Investigações Filosóficas

UFFS

Dissertação orientada por Arturo Fatturi

 

10. DAYANE EVELLIN DE SOUSA COSTA

Núcleo de estudos filosóficos sobre gênero: uma experiência na educação básica

PROF-FILO

Dissertação orientada por Hugo Filgueiras de Araújo

 

11. IZABELA LONER SANTANA

Negatividade para além da negação: sobre o objeto a

UFABC

Dissertação orientada por Suze de Oliveira Piza

 

12. JANAÍNA COELHO MUNIZ

A resistência ao patriarcado revelada na comédia de Aristófanes

CEFET/RJ

Dissertação orientada por Marcelo Senna Guimaraes

 

13. JÉSSICA DAIANE HILGERT

Da consciência à ação: considerações sobre o problema da eficácia em Sartre

UFRGS

Dissertação orientada por Scheila Cristina Thomé

 

14. JOSIANA BARBOSA ANDRADE

Um retorno a Simone de Beauvoir: Estudo do drama da coexistência à luz da gênese e estrutura da filosofia beauvoiriana

UFPEL

Dissertação orientada por Luis Rubira

 

15. JÚLIA SEIDL DO NASCIMENTO

Os pressupostos crítico-transcendentais da liberdade em Kant

UFMT

Dissertação orientada por Adriano Kurle

 

16. KARINE BOAVENTURA RENTE SANTOS

A identidade comunitária como problema fenomenológico generativo em Husserl

UFBA

Dissertação orientada por Carlota María Ibertis Casanave

 

17. LAURA DANIELLE LIMA SANTOS

O povo segundo Ernesto Laclau: entre a lógica da diferença e da equivalência

UFS

Dissertação orientada por Antonio José Pereira Filho

 

18. LETÍCIA CONTI DECARLI

Da diferença sexual à proliferação de n sexos: intercessões entre Preciado e Deleuze & Guattari

UFF

Dissertação orientada por Mariana de Toledo Barbosa

 

19. LETÍCIA DA SILVA BELLO

O valor da raiva: as funções ético-normativas e políticas da emoção em contextos de injustiças sociais

UFSM

Dissertação orientada por Flávio Williges

 

20. LETÍCIA FERRUZZI SACCHETIN

Interrupção voluntária da gravidez: por uma abordagem relacional

UFMG

Dissertação orientada por Telma de Souza Birchal

 

21. MARCELA CRISTINA DOS SANTOS

Melancolia: da bile negra à sombra do objeto que encobre o eu

UFES

Dissertação orientada por Claudia Pereira do Carmo Murta

 

22. MENISSA NAYARA NASCIMENTO SILVA

Nietzsche: filósofo artista a via de uma filosofia necessariamente estética no primeiro Nietzsche

UFU

Dissertação orientada por Geórgia Cristina Amitrano

 

23. MICHELLY ALVES TEIXEIRA

Arte e política: a "partilha do sensível" em Jacques Rancière

UNB-PPGFIL

Dissertação orientada por Philippe Claude Lacour

 

24. MONICA PARREIRAS

A função do olhar na captura da obra de arte: Aproximações entre Merleau-Ponty e Lacan

UNISINOS

Dissertação orientada por Alfredo Culleton

 

25. PATRÍCIA MARA RODRIGUES

A questão filosófica de Deus e da carnalidade no pensamento de Maurice Merleau-Ponty

FAJE

Dissertação orientada por Nilo Ribeiro Junior e coorientada por Marco Heleno Barreto

 

26. PATRÍCIA SHEYLA BAGOT DE ALMEIDA

Crítica de Nietzsche ao ideal da igualdade: contribuições à teoria feminista

UFG

Dissertação orientada por Adriana Delbó

 

27. RAFAELA TOMEDI

Da equiparação entre embriões congelados e nascituros: a possibilidade ética da prática do aborto

UCS

Dissertação orientada por Jaqueline Stefani

 

28. RAFAELA WEBER MALLMANN

Uma teoria da justiça feminista: reflexões acerta da mutilação genital feminina

PUCRGS

Dissertação orientada por Nythamar H. F. de Oliveira Jr.

 

29. RAQUEL WACHTLER PANDOLPHO

Espectros de Górgias: Efeitos póstumos da feitiçaria sofística

UFOP

Dissertação orientada por Marcelo de Mello Rangel e coorientada por Venúncia Emília Coelho

 

30. SHAYENNE BRUNA ALVES

Projeto político-educacional de Tolstói e o princípio da não-violência

UFSC

Dissertação orientada por Janyne Sattler

 

31. SUELLEN DANTES GODOI

Mitologia como exposição do Absoluto na Arte em Schelling

UNIOESTE

Dissertação orientada por Luciano Carlos Utteich

 

32. THAYNÁ DE CASTRO SACZUK

A performatividade da enunciação jurídica: entre John l. Austin e Michel Foucault. 

PUCPR

Dissertação orientada por Cesar Candiotto

 

33. VIVIANE VELOSO PEREIRA RODEGHERI

Os matizes ontológicos do conceito de infinito (ápeiron) em Melisso de Samos

UFRRJ

Dissertação orientada por Admar Almeida da Costa

DOUTORADO

(em ordem alfabética)

 

1. ALICE PARRELA MEDRADO

Liberdade e Imoralismo em Nietzsche

UFMG

Tese orientada por Rogério Antônio Lopes

 

2. CAMILA DE SOUZA EZÍDIO

A Lei Natural em Tomás de Aquino: da natura à civitas

UFBA

Tese orientada por Marco Aurélio Oliveira da Silva

 

3. CARMEL DA SILVA RAMOS

Spinoza e a questão da exterioridade. Uma leitura do Tratado Teológico-Político

UFRJ-PPGLM

Tese orientada por Ulysses Pinheiro

 

4. CHRISTIANE COSTA DE MATOS FERNANDES

Entre a expressão do ente e a escuta do ser: o lugar do lógos no pensamento de Heidegger nos anos 1920

UFRJ-PPGF

Tese orientada por Gilvan Fogel

 

5. CRISTIANE MARIA MARINHO

Processos de subjetivação, governamentalidade e neoliberal e resistência: uma leitura a partir de Michel Foucault e Judith Butler

UFG

Tese orientada por Adriana Delbó

 

6. CRISTIANE SZYNWELSKI

Dialética e verdade em Aristóteles

UNB-PPGFIL

Tese orientada por Guy Hamelin

 

7. ISIS HOCHMANN DE FREITAS

Das fronteiras às margens - por uma filosofia das migrações

PUCRS

Tese orientada por Ricardo Timm de Souza

 

8. KELLY JANAÍNA SOUZA DA SILVA

Arendt e a permanência da verdade pública

UFSC

Tese orientada por Claudia Drucker

 

9. LILI PONTINTA CÁ

O fundamento do direito político em Rousseau: antropologia

UFSCAR

Tese orientada por Marisa da Silva Lopes

 

10. LUANA TALITA DA CRUZ

A lógica como condição necessária para a filosofia medieval: um estudo acerca da argumentação tópica a partir de Boécio

UFPEL

Tese orientada por Manoel Vasconcellos

 

11. MIRIAM IZOLINA PADOIN DALLA ROSA

"O Que Quer Uma Mulher?”: uma experiência parrhesiásta em torno dos enigmas da feminilidade,

UNIOSTE

Tese orientada por Ester Maria Dreher Heuser

 

12. NADIA JUNQUEIRA RIBEIRO

A distinção entre o social e o político em Hannah Arendt à luz da Questão Judaica

UNICAMP

Tese orientada por Yara Adário Frateschi

 

13. PATRICIA GRAEFF

Ideologias, razão pública e o ideal de representação democrática

UFRGS

Tese orientada por Paulo MacDonald

 

14. PAULA BETTANI MENDES DE JESUS

Desejo e política em Espinosa, um estudo da Ética

USP

Tese orientada por Tessa Moura Lacerda

 

15. RENATA ALMEIDA DE ARAUJO MARINHO

A teoria crítica da transformação radical de Herbert Marcuse – racionalidade tecnológica e movimentos revolucionários.

PUC-RIO

Tese orientada por Deborah Danowski

 

16. SUSIE KOVALCZYK DOS SANTOS

Uma leitura epistêmica da teoria da identidade pessoal de John Locke e sua relação com a memória no capítulo 27 do livro 2 do Ensaio sobre o Entendimento Humano

UFSM

Tese orientada por César Schirmer dos Santos

 

17. THAÍSE DIAS ALVES

A magnífica tensão do espírito em Nietzsche

UFPR

Tese orientada por Antonio Edmilson Paschoal

 

18. VIVIANE ZAREMBSKI BRAGA

O ser humano e a arte de dar razões

UNISINOS

Tese orientada por Adriano Naves de Brito

RETIFICAÇÃO DO EDITAL 2022

 

Considerando que o trabalho de avaliação das dissertações e teses é longo e árduo, a comissão organizadora se reuniu e decidiu expandir o número de avaliadoras e avaliadores na edição de 2022;

 

Considerando que o aumento do número de avaliadora/es tem por consequência o aumento no número de indicações de trabalhos para a etapa seguinte;

 

A comissão resolve que, onde se lê:

 

Art. 13 - Na primeira etapa, cada trabalho será avaliado por dois examinadores. Cada examinador indicará dois trabalhos de um mesmo nível (mestrado ou doutorado). A indicação será justificada por parecer. Esses trabalhos serão classificados para a etapa seguinte.

 

Leia-se:

 

Art. 13 - Na primeira etapa, cada trabalho será avaliado por dois examinadores. Cada examinador indicará um trabalho de um mesmo nível (mestrado ou doutorado). A indicação será justificada por parecer. Esse trabalho será classificado para a etapa seguinte.

 

11 de julho de 2022,

A comissão organizadora

EDITAL PRÊMIO FILÓSOFAS 2022

A Rede Brasileira de Mulheres Filósofas e a Diretoria da Associação Nacional de Pós-Graduação em Filosofia (ANPOF) tornam pública a edição 2022 do Prêmio Filósofas de Distinção Acadêmica em Mestrado e Doutorado, referente a dissertações e teses defendidas entre 25 de agosto de 2020 e 2022. 

 

TÍTULO I – DAS DISPOSIÇÕES GERAIS 

 

Art. 1 - O Prêmio Filósofas 2022 será outorgado a uma dissertação de mestrado e a uma tese de doutorado produzidas por filósofas e defendidas nos programas de pós-graduação associados à ANPOF. 

 

Art. 2 – Para concorrer ao Prêmio Filósofas, os trabalhos devem, necessária e obrigatoriamente, atender aos seguintes critérios de elegibilidade: 

I - Terem sido defendidos entre 25 de agosto de 2020 e o final do período de inscrições. 

II - Terem sido defendidos em programa de pós-graduação associado à ANPOF. 

III - Serem de autoria de uma mulher, bastando a autodeclaração de gênero.

IV - Estarem escritos em português.

IV - Não terem participado da edição anterior do Prêmio na mesma categoria.

 

TÍTULO II – DA PREMIAÇÃO 

 

Art. 3 - O Prêmio Filósofas consiste em: 

I - Certificado de premiação a ser outorgado à orientadora ou orientador, eventual co-orientadora ou co-orientador e ao programa em que foram defendidas a dissertação e a tese vencedoras; 

II - Certificado de premiação à autora. 

III - Publicação dos trabalhos pela Kotter Editorial. 

 

TÍTULO III – DAS MENÇÕES HONROSAS 

 

Art. 4 - Poderão ser concedidas menções honrosas aos trabalhos que forem selecionados para a última etapa, até o número máximo de 2 (dois) para cada nível (mestrado e doutorado). 

 

TÍTULO IV – DA PRÉ-SELEÇÃO DAS DISSERTAÇÕES E TESES 

 

Art. 5 - A pré-seleção das dissertações e teses a serem inscritas no Prêmio Filósofas ocorrerá nos programas de pós-graduação associados à ANPOF. 

Art. 6 - Os programas indicarão um único trabalho produzido por uma aluna do programa, defendido no período referido no art. 2, inc. I e selecionado por comissão organizada pelo próprio programa. 

Art. 7 - Os programas que tiverem mestrado e doutorado indicarão um trabalho para cada nível, respeitando o período referido no art. 2, inc. I. 

 

TÍTULO V – DAS INSCRIÇÕES 

 

Art. 8 - As inscrições dos trabalhos indicados serão feitas pelo/a coordenador/a do PPG que indica os trabalhos, através do envio dos documentos necessários ao e-mail premiofilosofas@gmail.com até 08 de julho de 2022. Os coordenadores receberão email de confirmação de inscrição. Caso não recebam a confirmação, devem voltar a entrar em contato pelo referido e-mail antes do encerramento do prazo das inscrições.

Art. 9 - Os documentos necessários para a inscrição são: 

I - E-mail enviado pelo coordenador do programa com indicação formal, mencionando o título do trabalho e o nome da autora e seu e-mail de contato atualizado, atestando a data da defesa e apresentando o mérito do trabalho selecionado.

II - Exemplar completo do trabalho selecionado, em versão PDF, excluindo a capa e outras páginas que possam identificar a autora, orientadora/o e a instituição onde foi defendida. Contudo, deve constar de maneira clara o título do trabalho. 

III - Declaração assinada (digitalmente) pela autora, autodeclarando-se mulher e concordando com a inscrição de seu trabalho no prêmio. 

 

TÍTULO VI – DA COMISSÃO DE AVALIAÇÃO 

 

Art. 10 - Os trabalhos inscritos serão examinados por comissão instituída pela Rede Brasileira de Mulheres Filósofas. 

Art. 11 - A comissão será constituída por examinadores/as membros de programas de pós-graduação associados à ANPOF. 

§ 1 - É vedada a participação de orientadores/as ou co-orientadores/as de dissertações e teses concorrentes ao prêmio. 

§ 2 - Não haverá restrição de área, nem vinculação específica do/a parecerista com a área do trabalho analisado.

 

TÍTULO VII – DO PROCEDIMENTO DE AVALIAÇÃO 

 

Art. 12 - Cada trabalho inscrito será submetido a dois examinadores/as por fase, com exceção da fase final, quando os trabalhos selecionados serão lidos por todos os examinadores e examinadoras para ela designados. 

§ 1 - As avaliações obedecerão  ao sistema determinado pela administração da Rede Brasileira de Mulheres Filósofas. 

Art. 13 - Na primeira etapa, cada trabalho será avaliado por dois examinadores. Cada examinador indicará dois trabalhos de um mesmo nível (mestrado ou doutorado). A indicação será justificada por parecer. Esses trabalhos serão classificados para a etapa seguinte. 

Art. 14 - Na segunda etapa, cada trabalho será apreciado por dois examinadores/as diferentes da primeira etapa. Cada examinador/a dará notas de 0 a 10 para um grupo de trabalhos de um mesmo nível (mestrado ou doutorado). A nota será justificada por parecer. Classificam-se para a etapa final os três trabalhos de maior nota de cada nível. 

Art. 15 - A terceira e última etapa indicará as vencedoras. 

§ 1 - Os trabalhos selecionados serão lidos por todos/as os/as avaliadores/as indicados para esta fase. 

§ 2 - Estes/as avaliadores/as emitirão pareceres sobre todos os trabalhos e decidirão, em reunião virtual, quais são os trabalhos vencedores e as eventuais menções honrosas. 

Art. 16 - A divulgação das vencedoras e das eventuais menções honrosas será feita no site da Rede Brasileira de Mulheres Filósofas e no site da Anpof. 

§ 1 - Não haverá divulgação dos resultados de cada etapa. Apenas o resultado final será divulgado.

 

TÍTULO VIII - DO CRONOGRAMA

 

Atividade

Data prevista

Pré-seleção e inscrição 

10 de junho a 08 de julho de 2022

Primeira etapa 

09 de julho a 14 de agosto de 2022

Segunda etapa 

15 de agosto a 18 de setembro de 2022

Terceira etapa 

19 de setembro a 11 de outubro de 2022

Resultado final 

até 14 de outubro de 2022

 

 

 

TÍTULO IX – DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

 

Art.17 - O Prêmio Filósofas é independente das demais premiações da ANPOF e da Capes, podendo ser acumulado com elas.

Art. 18 - Não cabe recurso sobre as decisões tomadas pelas comissões de julgamento em nenhuma das fases da premiação.

Art.19 - Os casos omissos serão analisados pela Comissão Organizadora do Prêmio Filósofas.

 

 

Comissão organizadora:

Beatriz Sorrentino Marques

Silvana de Souza Ramos

Luisa Severo Buarque de Holanda