top of page

CHAMADA PÚBLICA PARA PARTICIPAÇÃO NO PROJETO MULHERES QUE LEEM MULHERES 2023

A Rede Brasileira de Mulheres Filósofas, em parceria com o laboratório Filosofias do Tempo do Agora (Lafita-Faperj/UFRJ/CNPq), tem a satisfação de anunciar mais uma chamada pública para participação no projeto Mulheres que leem Mulheres (MQLM).

O projeto é coordenado por pesquisadoras do Lafita e teve início em agosto de 2020 com o intuito de ampliar a visibilidade do trabalho de mulheres na filosofia, combater a desigualdade de gênero e facilitar o acesso de pesquisadores brasileiros ao pensamento de filósofas e demais teóricas de diversos campos das Ciências Humanas.

Ao longo dos últimos dois anos, o projeto lançou vinte vídeos que podem ser conferidos no canal do Youtube da Rede Brasileira de Mulheres Filósofas e do laboratório Filosofias do Tempo do Agora.

Por conta da pandemia e da limitação que o ano de 2020 nos impôs, o projeto foi desenvolvido majoritariamente por pesquisadoras do Rio de Janeiro e, em particular, da UFRJ. Sabemos como esse fato é redutor do alcance que pretendemos ter e já na segunda edição tivemos o prazer de receber colaborações de pesquisadoras de diferentes regiões do Brasil, que se juntaram a nós.

Nesse sentido, ao longo de 2021, buscamos descentralizar a produção de vídeos para fora da região sudeste e contemplar o trabalho de pesquisadoras dos diversos programas de pós-graduação de outras universidades brasileiras ou de professoras de filosofia que atuem como docentes no nível médio ou no ensino superior.


Em 2022, por razões diversas, não conseguimos articular o projeto como gostaríamos. Mas, diante da importância de uma proposta que busca valorizar o trabalho de mulheres na academia, vamos retomá-lo no próximo ano, com a previsão de começar a divulgar os vídeos recebidos por meio da Chamada Pública 2023 a partir de abril nos canais do YouTube da Rede Brasileira de Mulheres Filósofas e do laboratório Filosofias do Tempo do Agora. Os vídeos também são divulgados nas nossas plataformas e nas redes sociais. Até o recebimento das contribuições desta Chamada, lançaremos mais três episódios.

Para participar, basta ser pesquisadora e estar vinculada institucionalmente a algum PPGF, no nível de MESTRADO, DOUTORADO ou PÓS-DOUTORADO ou ser PROFESSORA de Filosofia em nível MÉDIO ou SUPERIOR. Além disso, os vídeos precisam necessariamente abordar uma filósofa que ainda não tenha sido escolhida por nenhuma das pesquisadoras precedentes.

As condições técnicas de produção dos vídeos são as seguintes:


1) Filmar pela webcam ( para manter o plano fixo, sem tremer). O vídeo tem que ter entre 5 e 8 minutos.

2) Enquadrar do busto pra cima ( para não ficar só a cabeça) e manter o enquadramento na linha dos olhos.

3) Filmar em local com boa iluminação. O ideal é escolher um horário manhã/início da tarde pro vídeo não ficar escuro.

4) Quando a filmagem começar, esperar uns 10 segundos para começar a falar e quando acabar de falar também. Só depois disso parar a filmagem. Esse intervalo gera margem de corte.

5) Começar o vídeo se apresentando e apresentando a filósofa.

6) Conteúdo do vídeo: a) Por que escolheu aquela mulher; b) O que há de relevante/importante no pensamento daquela mulher; c) Como essa mulher é importante para a sua pesquisa.

7) Envio do vídeo por Wetransfer: (https://wetransfer.com/). O endereço para fazer upload do vídeo é o email da coordenadora do projeto (judemoraes@gmail.com). Ela receberá um email do Wetransfer e fará o download. A edição dos vídeos é realizada por Beatriz Zampieri, também pesquisadora do Lafita.

8) Enviar também para o email da coordenadora dados da pesquisadora (nome, vínculo institucional; nome da autora abordada), descrição curta para o YT, inclusive com o link para o currículo lattes; foto da pesquisadora e foto da filósofa em anexo para a confecção dos cards de divulgação e da thumbnail. No campo assunto colocar "Mulheres que leem Mulheres 2023_submissão".

Abaixo, informamos a lista de autoras já contempladas pelo projeto:

1) Lélia Gonzalez

2)Kátia Muricy

3)Judith Butler

4)Grada Kilomba/Octavia Butler

5) Luce Irigaray

6) Drucilla Cornell

7) Silvia Federici

8) Susan Haack

9) María Lugones

10) Wendy Brown

11) Carol Adams

12) Jeanne-Marie Gagnebin

13) Heleieth Safiotti

14) Lynn Margulis

15) bell hooks

16) Sandra Harding

17) Mary Wollstonecraft

18) Hito Steyerl

19) Amy Allen

20) Simone de Beauvoir

Informamos também a lista de autoras dos vídeos que temos programados: 1) Isabelle Stengers

2)Nicole Loraux

3) Elizabeth da Boêmia

Os vídeos submetidos serão avaliados por uma comissão de pesquisadoras formada por Juliana de Moraes Monteiro(UFRJ/FAPERJ), Beatriz Zampieri (UFRJ) e Carla Rodrigues (UFRJ/FAPERJ). Para que o vídeo possa ser aceito, basta cumprir todas as exigências da chamada. Qualquer vídeo que não obedeça aos critérios expostos acima será recusado.

Os vídeos para a temporada de 2023 serão recebidos até o dia 1/03/2023.


Assim que avaliarmos as submissões, fecharemos um cronograma e entraremos em contato com cada participante informando a aprovação e a data de veiculação. Desde já, agradecemos o interesse de todas no projeto e esperamos construir juntas o caminho para ampliar a visibilidade das mulheres no meio acadêmico e contribuir para a divulgação de autoras fundamentais para a formação do pensamento filosófico. Aproveitamos a divulgação da nossa Chamada Pública para lançar mais um vídeo do Mulheres que leem mulheres: no nosso vigésimo primeiro vídeo, a professora Carmel Ramos (UFRJ) apresenta a filósofa Elizabeth da Boêmia.



649 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page