©2019 por Rede Brasileira de Mulheres Filósofas

NOSSAS REGRAS

Essas são as regras da Rede Brasileira de Mulheres Filósofas.

PROJETOS

  • Devem tratar de mulheres e filosofia, tema que deve estar explícito na sua breve sua apresentação.

  • Devem ser desenvolvidos em instituições sediadas no Brasil.

  • Devem ter ao menos um(a) coordenador(a) e indicação de meio de contato no link do botão "Saiba mais".

  • Devem ser coordenados por um(a) Professor(a) de Filosofia ou por um(a) pós-doutoranda(o) em Filosofia.

  • Devem constar na Plataforma Lattes ou análoga (nesse último caso em plataforma condizente com o tipo de projeto).

  • Não serão aceitos projetos de tese de doutorado ou de dissertação de mestrado.

  • Uma página dentro do sítio da Rede, a página-projeto, é facultada a cada projeto.

  • O conteúdo de cada página-projeto é de responsabilidade do(a) coordenador(a) do projeto e não necessariamente reflete as ideias da Rede.

  • A página-projeto deve conter exclusivamente textos e imagens. Outras mídias podem ser indicadas por links externos.

  • A página-projeto seguirá o padrão da identidade visual do sítio da Rede e deve se limitar à capacidade de armazenamento pro rata do sítio.

  • Depois de publicada a página-projeto, a atualização de seu conteúdo ocorrerá por demanda da(o) coordenador(a) limitada a uma atualização a cada 12 meses.

  • Conteúdos ofensivos ou em linguagem não profissional serão vetados pelas(os) administradoras(es).

  • As(os) administrador podem fazer correções no uso da língua portuguesa. 

MEMBROS

  • Podem tornar-se membros da Rede todos os coordenadores de projetos divulgados pelo sítio da Rede.

  • Todos os membros têm direito a voto quando de uma consulta ao coletivo.

  • Todos os membros têm direito a encaminhamento de consulta ao coletivo e devem fazê-lo por email às(aos) administradoras(es) do sítio. 

  • O encaminhamento de consulta deve ter formulação tal que permita que os membros votem escolhendo apenas um item de resposta no formulário eletrônico de consulta.

  • Caso a consulta envolva deliberações concatenadas, as consultas de ordem específica serão feitas apenas depois da consulta de ordem mais geral e devem ser pertinentes ao resultado desta.

  • Consultas aos membros devem ser feitas por formulários eletrônicos com prazo de votação de 7 dias. 

  • A maioria dos votos é suficiente para a decisão, que é assim considerada soberana.

  • É tarefa de todos os membros cumprir a decisão por maioria de uma consulta ao coletivo.

  • Depois de uma decisão, a questão de deliberação não pode ser re-encaminhada por um prazo de 12 meses.

  • Apenas membros de Rede podem redigir e publicar posts na seção "Notícias".

  • Todos os posts na seção "Notícias" devem ser assinados pelo membro que o redigiu.

  • O conteúdo do post é de responsabilidade do membro que o assina e não necessariamente reflete as ideias da Rede.

  • Apenas membros poderão comentar posts da seção "Fórum".

  • Conteúdos ofensivos ou em linguagem não profissional serão vetados pelas(os) administradoras(es). 

ADMINISTRADORAS(ES)

  • As(os) administradoras(es) têm a função de executar todas as tarefas ligadas à boa manutenção do sitio e à viabilização dos procedimentos deliberativos da Rede.

  • As(os) administradoras(es) são eleitas(os) pelos membros para mandato de 24 meses e podem ser re-eleitas(os) por diversos mandatos. 

  • É tarefa das(os) administradoras(es) realizar os pagamentos referentes à manutenção do sítio, incumbindo-se de levantar os fundos necessários e prestar contas ao coletivo.

  • Os fundos da Rede devem ser oriundos de contribuições de seus membros ou de entidades públicas. Todas as contribuições que não sejam de membros deverão ser aprovadas pelos membros. Entidades financiadoras assim aprovadas podem ter sua marca indicada no sítio da Rede.

  • É tarefa das(os) administradoras(es) monitorar o endereço de email da Rede e responder em tempo adequado às demandas.

  • É tarefa das(os) administradoras(es) publicar o conteúdo das páginas-projeto enviado pelos coordenadores.

  • É tarefa das(os) administradoras(es) atualizar cada página-projeto uma vez a cada 12 meses, sob demanda da(o) coordenador(a).

  • É tarefa das(os) administradoras(es) levar à ciência dos membros qualquer problema ou irregularidade constatado.

  • É tarefa das(os) administradoras(es) vetar qualquer conteúdo inapropriado, abusivo ou ofensivo que por ventura seja proposto pelos membros. O veto tem efeito imediato, após o que a questão pode ser levada aos membros para deliberação coletiva. A decisão alcançada pela maioria dos membros votantes é soberana.

Administradora em exercício: Carolina Araújo, UFRJ
filosofas.brasil@gmail.com

Logomarca: Eugenia Zanchet