Lélia Gonzalez by/por Carla Rodrigues: Brazilian Women Philosophers/ Filósofas Brasileiras

Learn more about philosopher Lélia Gonzalez with philosopher Carla Rodrigues.

Conheça mais sobre a filósofa Lélia Gonzalez com a filósofa Carla Rodrigues.


Lélia Gonzalez is a Brazilian philosopher and sociologist. She was born in 1935 at Minas Gerais and died in 1994, in Rio de Janeiro, leaving immense contributions about colonialism in Brazilian society. She was a professor at Catholic University of Rio de Janeiro (PUC-Rio) and at the University of the State of Rio de Janeiro (UERJ). In the late 1970s, she was one of the founders of the Unified Black Movement, and became a tireless activist against the strong and resistant presence of racism among us. She supported the movement black in the United States and dialogued with authors such as the philosopher Angela Davis, with whom she had a major exchange in the late 1970s. When Davis published “Women, race and class”, Gonzalez presented “The black woman in Brazilian Society” at a 1979 Conference at the University of California. Besides this one, her most important publications are “Racism and sexism in Brazilian culture” (1984) “The political-cultural category of Africanity” and “For an Afro-Latin American feminism”, both published at 1988.


Carla Rodrigues holds an MA and PhD degrees at PUC-Rio, is Professor of Ethics at the Department of Philosophy at UFRJ and researcher at the Graduate Program in Philosophy (PPGF/UFRJ) in the area of Gender, Race and Colonialism. Her research focuses on the work of Judith Butler, having been awarded the productivity grant "Junior State Scientist" (Faperj, 2018/2020) with the project "Judith Butler: from gender to criticism of state violence". She is a member of three Working Groups at the National Philosophy Society (ANPOF): Philosophy and Gender, Women in the History of Philosophy and Deconstruction, Language, Alterity (of which she is a founding member). She coordinates the Feminist Epistemologies project and the Philosophies of the Time of Now Lab, registered at the Directory of Research Groups of CNPq. CV: http://lattes.cnpq.br/1849437854243808


The Brazilian Women Philosophers / Filósofas Brasileiras series is promoted by the Extending New Narratives in Philosophy and by the Brazilian Network of Women Philosophers. With curation by Carolina Araújo and Carmel Ramos, both at the Federal University of Rio de Janeiro (UFRJ), the series invites intellectuals to present the ideas of prominent Brazilian Women Philosophers. Focused on the author's concepts and arguments, the videos intend to show the importance of reading her works and introducing them in the academic curriculum.


Lélia Gonzalez é uma filósofa e socióloga brasileira. Nascida em 1935 em Minas Gerais e falecida aos 59 anos, em 1994, no Rio de Janeiro, deixou contribuições imensas sobre a colonialidade na sociedade brasileira. Foi professora na PUC-Rio e na Universidade do Estado do Rio de Janeiro. No final dos anos 1970 foi uma das fundadoras do Movimento Negro Unificado, onde foi uma ativista incansável contra a forte e resistente presença do o racismo entre nós. Frequentou o movimento negro nos Estados Unidos e dialogou com autoras como a filósofa Angela Davis. As duas conviveram nos Estados Unidos no final da década de 1970. Enquanto Davis publicava “Mulheres, raça e classe”, Gonzalez apresentava “A mulher negra na sociedade brasileira” em congresso realizado em 1979 na Universidade da Califórnia. A este trabalho somam-se textos fundamentais na sua obra como “Racismo e sexismo na cultura brasileira” (1984), “A categoria político-cultural de amefricanidade” e “Por um feminismo Afro-latino-Americano”, ambos de 1988.


Carla Rodrigues é doutora e mestre em Filosofia pela PUC-Rio, professora da cadeira de Ética no Departamento de Filosofia da UFRJ, pesquisadora do Programa de Pós-Graduação em Filosofia (PPGF/IFCS/UFRJ), na linha de pesquisa Gênero, raça e colonialidade. Vem se dedicando ao estudo do pensamento de Judith Butler, tendo sido contemplada com bolsa de produtividade Jovem Cientista do Nosso Estado (Faperj, 2018/2020) com o projeto "Judith Butler: do gênero à crítica da violência de estado". É integrante do GT Filosofia e Gênero, do GT História das Mulheres na Filosofia e uma das fundadoras do GT Desconstrução, linguagem, alteridade, da ANPOF. Coordena o projeto Epistemologias Feministas e o laboratório Filosofias do tempo do agora, catalogado no Diretório de Núcleos de Pesquisa do CNPq. Currículo lattes: http://lattes.cnpq.br/1849437854243808


A série Brazilian Women Philosophers / Filósofas Brasileiras é promovida pelo projeto internacional Extending New Narratives in Philosophy e pela Rede Brasileira de Mulheres Filósofas. Com curadoria de Carolina Araújo e Carmel Ramos, ambas da UFRJ, a série convida intelectuais a apresentarem as ideias das principais filósofas brasileiras. Centrados nos conceitos e argumentos da autora, os vídeos pretendem mostrar a importância da leitura de suas obras e de sua introdução no currículo acadêmico.




#redebrasileirademulheresfilosofas

#filosofasOrg

#filosofas.brasil

#brazilianwomenphilosophers

#filósofasbrasileiras

#léliagonzalez

#carlarodrigues

#extendingnewnarratives

97 visualizações

Posts recentes

Ver tudo